sexta-feira, fevereiro 05, 2010

O tormento da meia-noite

Chamo o seu nome no escuro. Atormentada por meus fantasmas que insistem em zombar de mim. "Sentimentos são para os que desejam as lágrimas", e o que um deles me diz.
Minhas lágrimas não brotam dos olhos, janelas do corpo, e sim da veia rompida de meu coração, a porta da alma.
A veia que você mesmo rompeu, e eu sangro sozinha, com meus sentimentos.
Seu nome assombra meus sonhos bons. Minhas lágrimas secam sozinhas e você não está aqui quando eu preciso de você.
 Suas doces palavras não podem preencher o vazio de meu coração, que anseia por seu corpo. Amo-te a cada dia mais, sem se quer ver seu rosto nos minutos que estou acordada. Não vê que preciso de você, de corpo, alma e coração? Sou como uma criança que deseja o mais lindo brinquedo, o mais saboroso doce e não o pode ser por completo, somente em migalhas. E mesmo assim, agradecida pelas migalhas que você me dá.
Quando estou envolvida em teus braços, quando no calor de seu corpo desfruto de seu perfume, não há mal que me aflija. Seus braços protetores são como uma redoma: fora dela há o mundo, dentro dela o nosso mundo. E quando meus olhos penetram na imensidão de seus olhos, quando meus lábios estão prestes a concretizar o tão sonhado beijo, então neste momento de frenesi... desperto.
O fato é que a sua companhia tão ansiada por mim só existem em espírito, mas não posso mais impedir meu corpo de querê-lo tanto assim. Meus lábios gritam seu nome á noite por que meu coração não pode suportar o silêncio que lhe é imposto. Se você desejasse meu coração, você o teria ainda sangrando em suas mãos. Com o mesmo batimento rebelde dos velhos tempos, a mesma pulsação tão conhecida por você.
Você sabe que eu lhe daria tudo de mim, e me jogaria na imensidão deste sentimento. Mas não posso entregar minha alma a um fantasma.
Quando eu chorei, onde você esteve para não limpar minhas lágrimas? Quando eu gritei de pavor, onde você esteve para não espantar todos os meus medos, como eu sempre fiz com você e por você?
Toda vez que o sol enfeita meus dias, é terrível olhar para o lado e ver não somente a cama vazia, mas como todo o meu ser.
Meus fantasmas me arrastam para a escuridão de meus pensamentos, sem que ninguém venha me socorrer. Em você ficam as marcas das unhas na pele, marcas de batom, beijos no pescoço, e o suave som de minha voz. Em nós dois ficam os gostos, os rostos, as lembranças, os desejos intocados, os sentidos intactos. E em mim, fica somente o vazio.

Amanda Souza
(Mais uma vez, venho a dizer: TUDO O QUE HÁ NESTE SITE É DE MINHA AUTORIA.  Mais uma vez, agradeço a todos pelo enorme carinho de vocês! Beijinhos ~*)

15 comentários:

  1. *---*
    Que texto lindo :D
    Como vi que são de sua autoria, vou dar uma lida nos anteriores *-*

    Beeijo
    http://otempoeseusmomentos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. é bom pedir os direitos mesmo, beijinho

    ResponderExcluir
  3. Ola! Passando para dizer que o blog ta muito bom!!!!

    http://blogdopelarau.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Você escreve muiito bem MESMO MESMO...seus textos são ótimos..e parabéns!!

    Bjãoo
    Lindo mesmooo...

    ResponderExcluir
  5. Que liiiiiindooooo!!
    MUITO perfeito.
    Um pouco dark, né?
    Adoro seu blog! =*

    ResponderExcluir
  6. Texto lindo .
    Você escreve perfeitamente bem .
    Blog demais *-*

    Quando der visita lá ↓
    www.assuntosmaneiros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. geeente, que perfeito *-*
    não só amo o texto, como as diversas fotos que voce coloca em cada post !
    Parabéns !
    Visita lá o meu blog tbm: www.gagauhlala.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Que bacana o texto. Gostei da parte que diz assim: "O fato é que a sua companhia tão ansiada por mim só existem em espírito"

    Parabéns. *__*

    http://minhapaciencia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. muito cool \o/

    parabens =]

    dps passa lá: http://stuffartie.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. nossa que tocante!!!
    e o mais legal de tudo é q de sua autoria os textos...
    muito bom adorei!!
    se puder visita o meu blog?

    www.blog-da-belka.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Nossa mãe, nunca tinha uma lido um texto tão nesses últimos dias, mesmo que seja um texto deprê, você escreveu com alma, e uma delicadeza incrível, simplesmente amei. E susprirando até agora.

    ResponderExcluir
  12. Olá Amanda.
    Parabéns pelo texto...Gostei muito
    Segunda vez que passo aqui.
    Da primeira vez foi naquele texto do anjo,que também estava ótimo...
    Parabéns

    blogdolenivaldo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Parabéns pelo blog, e pelos textos. São lindos!!

    Como quero ler todos, vou seguir vc!! ^^

    http://pedrolusi.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. lindos textos *-*

    quer uma dica? coloque algo proibindo propagandas nos comentários :D [ouñ]

    http://comediantenor.blogspot.com

    ResponderExcluir